Como um coach pode criar um site

Um Coach que queira ser encontrado e queira mais clientes, deve ter um site, e eu vou te falar o motivo já.

Primeiro quero falar com você que pode ainda não ter um site, e não sabe se realmente deve ter um.

Eu quero te dizer que deve, por alguns motivos.

Mesmo que tenha uma fanpage no Facebook ou um perfil no Instagram, pense comigo. Quando você quer comprar alguma coisa, você procura no Facebook, no Instagram ou no Google?

Se você procura no Google, seus possíveis clientes também irão procurar lá.

E aí só vão te encontrar se você tiver um site, mas não pode ser um site qualquer, precisa ser um site bem indexado, que apareça nas primeiras páginas do Google.

É importante saber que estar no Facebook, Youtube, Instagram ou qualquer outra rede social é muito bom (você não precisa estar em todas, é melhor ter consistência em alguma), porém você estará em um lugar que não é seu, e eles mudam as regras sempre. Só com um site você tem poder de fazer o que quiser.

BAIXE UM CHECKLIST GRATUITO DO SITE MILIONÁRIO PARA PLANEJAR MELHOR O SEU SITE

Se você ainda não tem o seu site, olhe os passos para que tenha um no ar, usando uma das melhores ferramentas existentes, o WordPress. É a parte mais chata para quem não mexe com tecnologia, mas se você mesmo fizer, pode economizar até alguns milhares de reais, e não é nada tão difícil assim:

  1. Vá até o http://www.registro.br e veja se o domínio, ou seja, o nome do site que quer, está disponível. Quando encontrar um domínio que lhe agrade, contrate. O custo atualmente é de R$ 40,00 por ano. E se demorar, alguém, pode pegar esse domínio e você fica sem depois. Pelo custo, vale a pena já reservar para você.
  2. Depois você precisa contratar uma hospedagem, que é onde o seu site vai ficar. É como se ‘alugasse’ um espaço em um servidor de uma empresa. Eu uso o Hostgator e pago algo perto de R$ 18 por mês para ter vários sites lá, mas é possível encontrar planos de até R$ 13 por mês para um site (há diversas empresas para hospedar seu site).
  3. Depois da hospedagem contratada, você precisa ir lá no http://www.registro.br novamente e configurar o seu DNS de acordo com a hospedagem que contratou. É um endereço que normalmente chega no seu e-mail depois da contratação.
  4. Agora você pode entrar no ambiente da sua hospedagem e mandar instalar o WordPress. Isso hoje está bem fácil em vários provedores de hospedagem, como no Hostgator que uso. Com poucos cliques você pode fazer isso, sem qualquer complicação.
  5. Depois do WordPress instalado, você entra nele pelo endereço http://seusite.com.br/wp-admin/. Troque o ‘seusite’ pelo nome que escolheu lá no passo 1.
  6. Não vai parecer muito bonito, e o segredo agora está em escolher um bom tema para o seu site. O tema é o que define a aparência do site, e há vários gratuitos, porém eu até sugiro que pague por um, para ganhar tempo, até porque um bom tema não é tão caro assim e você pode usar seu tempo para ganhar mais. Um bom tema já é bonito e faz você ganhar muito tempo. O que uso em todos os meus sites é o Divi (veja aqui http://bit.ly/divi_site). Ele é excelente, realmente excelente! Recomendo mesmo muito. Apesar de parecer em inglês aí, depois de instalado ele pode ser alterado para português, e faz com que seja muito fácil criar novas páginas ou mexer em qualquer coisa no seu site. Você arrasta com o mouse e muda seus textos, quase como faz no Word. É prático demais, além de ter vários recursos!
  7. Aí com seu tema instalado, pode ir criando suas páginas, colocando suas fotos, página de contato, blog, etc. Já tem seu site no ar e pronto para ser melhorado a cada dia.

De vez em quando eu vou fazer um webinário, gratuito, um encontro ao vivo comigo pela internet, para te falar mais sobre esses passos e sobre como você pode criar sua presença online. Se cadastre no www.alessandrogon.com.br/cadastro se quiser receber um aviso sobre o próximo, no seu e-mail.

Ter o site no ar é um dos passos para essa sua presença online, aí com o blog você pode fazer muita coisa depois, para ser encontrado, para passar sua mensagem para o mundo e para atrair seus clientes. Pode por exemplo fazer uma publicação para o seu nicho (e é bem importante ter um) e depois usar as redes sociais para se comunicar com a pessoa que passar pelo blog. Há uma técnica para conseguir fazer isso, me siga por aqui, no Facebook ou no Youtube, que te falo mais sobre isso e sobre o que mais você pode fazer para melhorar suas chances de ser encontrado pela web.

No fim, se seu cliente está na internet, onde você deve estar?

Um abraço!

 

BAIXE UM CHECKLIST GRATUITO DO SITE MILIONÁRIO PARA PLANEJAR MELHOR O SEU SITE

Pin It on Pinterest

Share This